Categoria: Dicas

Oláaaaaaaaaaaaa!! Quem tem cabelo loiro, sabe o trabalho que dá pra cuidar e manter o tom desejado. E pra quem não tem paciência de esperar o efeito dos shampoos “roxos” (que são de efeito gradativo, ou seja, clareiam o seu cabelo conforme as lavagens) aqui vai uma dica, que te dá resultado NA HORA! Tudo que você precisa é:

1 – Condicionador branco não cintilante (de sua preferência)

2- Violeta Genciana (Até R$3,00)

O Violeta Genciana, na verdade é um antisséptico (se você se machucar, dá pra aproveitar também hahaha).2

Historinha: Quem me apresentou, foi uma amiga. Ela me deu uma amostra para quando chegasse em casa, usasse na lavagem do meu cabelo. Eu não sabia o que era, como funcionava e nem como fazia, só sabia que aquilo ia clarear o meu cabelo, e era só o que eu queria. Mãaas, a amostra que ela me deu, estava muito concentrada…Ela avisou, mas eu não sabia o quanto teria que misturar mais creme no produto. Resultado: Meu cabelo ficou roxo, em partes! hahaha (mas foi só uma fase, se isso acontecer com você, sai depois de uma ou duas lavagens). Então, você precisa tomar cuidado para não deixar o seu concentrado, e sair por aí que nem um pavão roxo hehe.

Meu cabelo nunca teve o tom de “amarelado”, mas me deu uma vontadezinha de mudar o tom dele um pouco, só pra variar. E como eu sou apressada (para praticamente tudo), queria resultado  e  não ia ter paciência de esperar o efeito de qualquer shampoo…Comprei o Violeta Genciana. Pode ser encontrado em qualquer farmácia, e é muito barato!

Para casos de cabelos amarelados, ele pode até matizar o seu cabelo! É só saber usar.

1

Esse é o meu cabelo antes de passar o produto. Tirei fotos de dois jeitos: Com uma blusa preta, para dar bastante contraste. E com um roupão, que é de tom claro, porque nas fotos da diferença.

3

1 – É importante que o creme seja branco, e não cintilante. A quantidade do produto que se aplica, é muito pequena, pois ele é bem concentrado.

4

2 – É importante que você deixe em um tom de lilás (a menos que você queira ficar com o cabelo roxo, aí você deixa roxo bem concentrado hehe). Eu deixei em um lilás bem clarinho, pra não correr o risco de fazer besteira (de novo).

5 na verdade verdadeira

3 – Durante o banho, é possível ver o tom que está ficando (é só espalhar uma mecha de cabelo nas mãos). Eu não cronometrei o tempo que fiquei com o creme no cabelo, mas acredito que tenha sido em torno de 8 a 12 minutos.

5

 

Pro: Vai te dar o tom de cor que você quer no seu cabelo.

Contra: Vai resseca-lo. Então é sempre bom fazer uma hidratação depois. Mostrei como fazer uma ÓTIMA aqui.

E esse foi o resultado. Meu cabelo é um loiro bem mais escuro na raiz, mas até lá deu uma clareada! Minhas pontas não ressacaram muito, afinal não concentrei o produto, nem o deixei por muito tempo. O resultado não foi intenso, mas foi o desejado.

6

Infelizmente, estava  a noite e tive que tirar as fotos em uma luz ruim. A diferença é mínima na foto, mas pessoalmente deu mais realce. :)

Mas como eu sou meio (que completamente) perfeccionista, passei o Violeta Genciana novamente, e dessa vez com uma iluminação melhor! Para ver, o resultado, é só clicar em “mais…”

(mais…)

 Ai como eu gosto de bordô ♥ A cor de fato, é bem invernal. Mãs…eu tenho um shorts cintura alta, que é meu amor e permanece no meu corpo nos dias quentes. E quando a peça tem cor, as vezes complica de combinar. Então, eu trouxe 4 looks com umas cores diferentonas, pra cêis pararem com medo de usar outras cores com essas peças (de cor) …

Primeiro usei com um azul escuro, e dourado. Apesar de ser manga comprida, a blusa é bem fresquinha e isso é tudo que eu tenho a declarar sobre as fotos a seguir…

001 003004 005

E essa sou eu, toda simpática te chamando pro meu instagram

fotoinsta

Azul de novo, dessa vez com umas super cores. Eu gosto de usar essa blusa cavada na parte da frente por dentro do shorts, porque sim.

009001200160013

E aqui sou eu, querendo ser o super man, querendo voar, sonhando com tudo isso, e testando meu “mulk” respectivamente. Obrigada, de nada.

0017

Amo/sou blusa ciganinha! Que raiva de quem teve esse ideia primeiro que eu. Essa verde estampada que eu tenho também é meu amor, e tem um tiquim de bordô.  

0020 00210023

 E aqui sou eu mandando um “beijinho no ombro” (?)

0024 0025

Vale dizer que amo/sou esse cropped também? Dá pra combinar ele com várias cores (até com as do blog hahaha). Ele também tem bordô, mas tem que colocar o shorts lá pra cimão, pra não aparecer o umbigo e acabar ficando meio vulgar sem ser sexy hahaha (aqui eu já tava cansada de tirar foto hehe).

00260027 0028

 

Então tá! Tomara que agora cêis usem bordô com outras cores além de preto, branco e cinza, depois desse post porque deu um trabalhão pra fazer hahaha.

Beijão <3

Conquistei meu primeiro carro há menos de um ano. E, neste curto período, aprendi diversas coisas. Algumas situações que me irritam extremamente, e outras que foram só questão de tempo pra perceber, o que acontece quando se tem um carro…Aqui vai uma listinha de 13 coisas que consegui lembrar para citar para vocês.707

1 – Não importa o bom desempenho que você teve nas suas aulas práticas de direção, ou quão bem você foi na prova final prática: Nos primeiros dias com o volante na mão, você vai fazer MUITA cagada, e vai ouvir muita buzinada! (Xingaram até minha mãe).

2– É totalmente diferente fazer baliza com três “pauzinhos” e fazer entre dois carros de verdade! Pelo menos pra mim, é o top medo socorro me ajuda moço! Nas aulas eu nunca derrubei os pauzinhos, mas entre dois carros, as vezes eu não chego nem arriscar, migos! 

3– O mundo vai com certeza parecer menor, mas você vai precisar de um GPS!!

4– Como um lugar se chamado garagem, e um lugar para estacionar (com bastante espaço, por favor hahaha) são preciosos!

001

5– Obedecer com todo prazer ao “mantenha distância” de ônibus e caminhões. Saiam de perto de mim, seus grandões horrorosos e barulhentos que jogam o rabo nas curvas!!

6– Como esse negócio suja rápido!! Mas eu lavei semana passada, e já tá assim???

7– Mentira que o tanque já tá nisso??? Alguém roubou minha gasolina? Duendes!!! 

8– Aceitando o fato de que: Sempre que lavo o carro, ou chove 1h depois (mas não deu tempo nem de secar, po!) ou no dia seguinte, bem quando você precisa muito ir a algum lugar!!

9– “Será que vai? Desce aí pra me ajudar!!” ou “Dá pra ir moço?” serão parte de uma nova rotina…

10– Preciso de um portão automático.

fotoooouoô

11– Má que @*$()@*&$#!! Pararam em frente à garagem! Aí não dá pra sair, e lá vamos nós, de salto ou de pijama procurar o dono do carro…

12– Preciso de um pen drive. E depois > Não posso esquecer o pen drive!! E depois > Preciso de músicas novas!! Rádio não dá, por motivos de: propagandas chatas, rádios que cortam a música na metade e o principal: SEMPRE AS MESMAS MÚSICAS! 

13– Música alta é muito legal. No carro dos outros. Principalmente quando o motorista dirige há 77 anos. Gente, se o som está muito alto, eu não escuto o barulho do motor, e aí minha cabeça funde!! Fico sem direção, sem tudo!! Se ficar com o som alto, capaz de eu ir a 70km/h na 2° marcha!

Só ressaltando que fico louca com o 11° item (indireta vizinhos, obrigada, de nada!!).

Beijosssssss <3

Quem acaba de completar 18 anos, ou quem está prestes a começar a tirar a carta, me pergunta sobre a minha. Então, vou contar – o que eu lembro – como foi meu processo.

O “o que eu lembro”, não porque faça muito tempo que eu tenha tirado, mas porque minha memória não é nada boa. Agora em setembro, fazem 1 ano e 5 meses que estrei na auto-escola. Então, dá pra considerar, vai?

No dia seguinte em que completei 18 anos, lá estava eu na auto-escola. Minha dúvida inicial foi: tirar A e B (moto e carro, respectivamente), ou somente B? Pois bem, na hora de dar entrada, resolvi tirar somente B. Tempos depois (no dia de tirar a foto da carteira) decidi tirar de moto também!!

01

Primeiro tive que fazer alguns exames. O psicotécnico, e o outro lá, de saúde mesmo… (deu cerca de R$130,00 os dois). O psicotécnico, é simples. Só não ficar nervoso na hora, que dá tudo certo…Você tem somente que relacionar encaixes de algumas imagens, e depois fazer traços com espaçamentos certos, e em alguns momentos umas linhas retas (o máximo que você conseguir).

Depois de passar nos exames, não lembro se nessa ordem: Tive que tirar a foto da carteira (que eu li a observação da moça da recepção na folha só depois, no dia que meu cabelo tava uó: socorr!!!!), registrar a assinatura e digital.

Depois disso o CFC. Na auto escola que fui, foi R$120,00. As aulas foram ótimas, eu sempre prestava o máximo de atenção, e gostava (me julguem haha). Anotava t-u-d-o, para estudar/reforçar depois. A moça dava bastante simulado para nós, e corrigia no mesmo dia, isso com certeza ajudou muito!! Assim que terminamos o CFC, vem a tal da prova teórica. Gente, quanta pergunta besta! Algumas dei “gracias” por ter estudado, mas outras foram tipo:

Se você atropelar alguém:

A) Você foge

B) Você ri

C) Você para pra prestar socorro

D) Finge que desmaia

Então, é bom prestar atenção, não dormir no ponto e reforçar no que você tem dificuldade. A prova é bem cedo, tinha que estar na auto escola as 5 da manhã. Você tem 30 minutos para responder 30 questões. Mas, isso é só um tempo bobo pra te deixar nervoso na hora, porque provavelmente você vai acabar antes, e lendo em marcha lenta (só não exagera né meu!!). Acho que são 7 dias para sair resultado da sua prova. Somente com o resultado em mãos, você consegue marcar as aulas práticas.

large

Então vamos pegar no volante. Porque se você vai tirar a de moto, você precisa primeiro passar na prova de carro, e somente depois pode fazer a prova de moto. Por este motivo bobo e inútil, tive que fazer primeiro as aulas de carro. São 20 aulas, sendo: 16 diurnas e 4 noturnas (tanto para moto quanto para carro, tendo 50 min. cada aula). As aulas noturnas foram emendadas: 2 de uma vez. O que te dá mais tempo para praticar, e foi nelas que fiz todas as perguntas possíveis sobre a prova!

Prova: Você basicamente tem que sair sem deixar o carro morrer, parar no pare, dar a seta quando for virar, e as vezes eles te pedem para encostar, e sair com o carro na subida. Antes de tudo, eles te dão um papel, que diz o que você não pode fazer, o que tira pontos de você e o que te reprova. Tirar pontos, é o seguinte: Você tem 5 pontos (digamos, porque eu não lembro, mas é por aí). Se você deixar o carro morrer perde 3 pontos. Se você virar sem dar a seta, perde 2 pontos. Perdeu os 5? Reprovou.

Você não pode esquecer, de jeito nenhum: De colocar o  cinto! Se não colocou o cinto, e saiu com o carro, já reprova amigão! Também acontece muito de deixarem o freio de mão, ainda um pouco levantado, sabe? Isso faz o carro morrer, e você perde pontos (ou reprova, sei não). Somente se você for aprovado no percurso, você vai para a baliza.

Baliza: Gente, pelo menos onde eu fiz, o espaço foi ainda maior que nas aulas, foi fácil. Procurei me manter calma (porque dá um nervoso com um cara desconhecido e geralmente mau humorado te avaliando), e passei.

Na baliza você não pode: Derrubar os pauzinhos! De jeito nenhum! Se acontecer, é tchau e benção: reprovou.

large (3)

Aulas de moto: Não podem acontecer em dias de chuva. Eu peguei somente um (ufa!), então cuidado com a época que você vai fazer. Minha primeira aula, o moço me apresentou tudo sobre a moto. Na segunda, ele me ensinou a sair com a moto. Na terceira, ele me desobedeceu e me soltou. Só deu pra ver o cara no retrovisor, e eu toda pocket indo em linha reta e fingindo que aquele negócio grande era uma bicicleta. Meu equilíbrio era bom, então já aprendi a virar e foi que foi! Nas últimas aulas fomos para um lugar diferente, onde tinham várias pessoas – também tendo aula – para fazer a “baliza” da moto. Gente, que negócio difícil de começo! Errei umas 11 vezes, aí uma eu conseguia. Ok, na próxima errava de novo. HAHAHA Mas depois foi fluindo, e eu fui conseguindo, realmente era uma questão de prática.

Na prova: Que orgulho de mim, fui melhor que os caras marmanjo ♥ HAHAHA Na prova não tem percurso, é somente a baliza, e é super rápido, os caras são muito práticos: colocou o pé no chão na hora errada? Próximo!

Você não pode: colocar o pé no chão, derrubar o cone, e nem sair sem abaixar a vizeira do capacete.

Carta A e B – onde eu tirei: R$1.300. CFC: R$120,00 Exames: R$130,00. Total: R$1.550,00.

 large (1)

Depois de tudo ok, você recebe sua carta dentro de vinte e poucos dias, ou trinta…A auto escola te liga, avisando que chegou. A carta é provisória, é na verdade uma “permissão” válida por um ano, e depois tem que renovar. Se você tomar uma multa, por não colocar o cinto, por exemplo, você já perde sua carta. Mesmo que seja o passageiro. Ou seja: Manda todo mundo colocar o cinto!!!! São pouquíssimos pontos que você tem – não lembro – então não tome multas. Não vai achando que é só usar o Waze pra ver onde tem radar, que ele não prevê guardas de trânsito, viu? O bom é andar certinho, sem riscos.

Ainda não cheguei na fase de renovar a carta. Quando chegar lá, conto também!

Se alguém ainda tiver alguma dúvida, pó perguntar nos comentários, que toki!

Beijossssssss <3