Categoria: Dicas

Quem nunca leu um livro por indicação? Eu já. E esse veio de uma amiga, de muito bom gosto para livros… “O Caçador de Pipas” me prendeu de tal forma, que li (devorei) o livro rapidinho. O cara (vulgo Khaled Hosseini) que escreveu foi tão bom que decidiram até fazer filme! Então se você não gosta de ler, não vá ver o filme. O livro é BEM mais legal HAHAHA.

1A história envolve diversos tipos de sentimentos. Tem um momento do livro para cada um deles. Mas o mais intenso é: culpa, culpa e…culpa!  Tudo começa em Kabul no Afeganistão. Mais dois meninos, muito amigos.  Fazem tudo juntos. Inclusive, decidiram participar de um torneio de pipas juntos.

E é neste dia, que acontece algo (que eu jamais, nem sob tortura vou contar) muito ruim, que muda a vida dos dois para sempre! É incrível que, tudo que acontece depois, envolve o ocorrido no tal dia! É culpa desse dia, não das estrelas. Pelo menos nesse caso (hehe).

2

A revira-volta da história, as consequências, as sequelas e a vontade de voltar atrás. Tudo te faz pensar em como seus atos podem ter consequências, não só na sua vida, mas na de outras pessoas também. O que não é mentira…

Conta uma triste realidade que vivemos hoje, e o reflexo que traumas causam. Se passa em uma cultura diferente, envolve realidade e a ficção da história.

3

Por você eu faria isso mil vezes!

É uma frase que vai ficar ecoando em sua cabeça, caso esse post te faça ler o livro, você vai lembrar de minhas palavras…muahahah

Sabe o que dizem sobre os livros serem muito melhores que o filme? Então! Eu concordo plenamente. Mas como sou curiosa fui ver o filme! Senti uma falta enoooorme de muita coisa, não me passou diversas emoções que senti lendo. Mas o filme não deixa de ser bom porque eu sou chata hehe

4

Você pode assistir ao filme online AQUI.

É isso galere!

Até o próximo post! Besoussssssssssssssssssss

Quem não ama matar o tempo jogando que atire a primeira pedra! Principalmente se for em alguma fila, ou esperando o que quer que seja!

Vim apresentar para vocês, 7 aplicativos de jogos: Os meus, prazer! Meu celular é sistema iOS, mas eu conto pra vocês quais tem ou não para Android também! – Na verdade, tenho mais 7 aplicativos de jogos no meu celular, mas como o post ia ficar grande enorme, eu apresento os outros 7 para vocês em um outro post ok

Não sei vocês, mas eu gosto de jogos bem objetivos. Sem muita enrolação, e sem precisar ficar vendo mil e um tutoriais pra começar a jogar. Já perco a paciência e desinstalo se tiver um tutorial me mandando clicar onde eu não quero hahaha. Então, aqui vão 7 dos que permaneceram:

01

1 – Perguntados: Esse com certeza você deve conhecer. O perguntados é sucesso! Olha, vou confessar que faz um tempinho que eu não jogo, mas não tiro ele do meu celular nem a pau, Juvenal!! Quer queira ou não, é um jogo educativo, que já me rendeu muita competição entre amigos e tiração de sarro, inclusive. 

03

Se você faz parte do provável pequeno grupo de pessoas que não conhece o jogo, calma que eu explico! O próprio nome já diz. É um jogo de perguntas, sobre diversos assuntos. As pessoas podem mandar perguntas, e você pode jogar contra seus amigos – do facebook – ou escolher um oponente aleatório. Você roda a roleta – ma oeee – e se cair em certa “matéria” você responde a pergunta que vier sobre ela. Se errar, perde a vez. Se acertar 3 seguidas, ganha um “bichinho”. É assim que eu chamo, gente, me deixem! hahaha Dá pra fazer duelo, pra aprender um pouquinho e até dar uma risadinhas com umas perguntas um tanto quanto bizarras que as vezes caem.

Pro: Dá pra aprender jogando | Contra: Você tem que esperar o amiguinho jogar, pra poder voltar a responder. 

Disponível para: iOS e Android

04

2 – Subway Surf: De tanto jogar, confesso que enjoei só um pouquinho! Mas gente, como eu gosto desse jogo! Mais objetivo impossível. Cê sabe que pixar é errado né? Pois é, e nosso miguinho personagem, foi pego pixando. Um policial vê, e começa a correr atrás dele com seu super dog. Se ele vai conseguir capturá-lo ou não, ai depende de você hehe. 

05

 Você tem que correr, pegar moedas, desviar de tudo que aparece pela frente, passar por baixo, por cima do jeito que for, mas não deixa o gordinho te pegar! O jogo tem objetivos também. Você pode trocar de personagem, só precisa comprar quando tiver os itens necessários para a troca. 

Pro: Vicia | Contra: Vicia – Hahaha!

Disponível para: iOS e Android

06

 3- TripTrap: Esse é um daqueles joguinhos de fases, e que te fazem querer mais! É um jogo para se pensar, e é uma graça gente! Você tem que fazer o ratinho comer os 3 queijos da fase. Parece simples. Só se você não colocar obstáculos no meio! Eles mudam conforme o nível, e você sempre inova no jeito de alimentar o bichinho.  Só não vai entrar na “portinha” de sair da fase sem querer hein?

Pro: Meus irmãozinhos (de quatro anos) gostam, distrai crianças e a mim também kkkk | Contra: Apesar das fases, se torna um pouco repetitivo

Disponível para: iOS e Android

09

 4 – TrapDot: Esse me emociona! É um jogo tão babaca, e eu consigo ficar afobada com ele. Quando as formas estiverem laranja, você pode clicar em todas, exceto nos círculos. Quando as formas estiverem azuis, você só pode clicar nos círculos. Não pode clicar fora, se não perde pontos. E não pode deixar o termômetro te alcançar. Se você demora, não estoura as formas ou clica muito no lugar errado…o termômetro te alcança e você perde. Ai que tosco né? Mas gente, o termômetro te alcança muito rápido, dá um pavor que acho que é só comigo mesmo. E eu só consigo passar no nível “easy”. Que vergonha, que vergonha…

Pro: É objetivo  | Contra: É troxa

Cês acreditam que um jogo desses é pago na AppStore? Não me perguntem quanto, ou se tem para android, porque não achei mais nenhum rastro dele ): 

010

 5 – Bubble Witch 2: Muito amor e vício envolvido nesse jogo! No começo, nem me interessei muito…Até que aconteceu: lá estava eu, perdendo horas de sono para jogar mais! “Só mais cinco minutinhos” de manhã e “só mais essa fase” a noite. E assim era minha vida. Até que veio a maldição: Nível 55. Encasquetei, e nunca mais fui feliz. Fim de história, game over.

011

Depois da minha emocionante história, vamos falar sobre o jogo. Você tem que combinar as bolhas das mesmas cores, e cumprir o objetivo do nível. Tem nível que você tem que eliminar a fileira do topo, e tem nível que você tem que libertar o fantasma. Tudo isso com um limite de bolhas, tais quais você não escolhe as cores. No começo é só alegria, e depois você está encasquetado, tentando passar de nível. E pulando, quando passa. 

Pro: É uma delícia jogar, distrai mil! | Contra: Nível 55 HAHAHA

Disponível para: iOS e Android

012

6 – Candy Crush: Se você ainda não conheceu ninguém viciado nesse jogo, lhe pergunto: em qual planeta habitas??? Eu confesso que não gosto muito. Ok eu nem gosto. Eu só tenho no meu celular porque tô tentando gostar. Mas não gosto. Aliás, vou desinstalar agora! AHSUAHSUA.

Você tem que combinar os docinhos, em três. Podendo somente ser em vertical ou diagonal. Alguns níveis você tem que eliminar o raio da gelatina, e assim vai. Cada jogo tem seu objetivo também. É do mesmo “criador” do jogo anterior. Só que do jogo anterior eu gosto…hehe

Pro: Procurando | Contra: Leia acima 

Disponível para: iOS e Android

013

7 – TwoDots: De cara, eu gostei bastante desse! Mas não me encantou ou prendeu mil não. Ele tem um design que eu amo. Você tem que fazer ligações entre as bolinhas da mesma cor, para eliminá-las. No print que tirei, por exemplo: Tenho que eliminar 20 bolinhas rosas, e 20 amarelas. Os movimentos também são limitados, o que dificulta. Mas é muito bom gente, vou terminar esse post e ir jogar esse porque bateu uma saudade! 

Pro: Digamos que tenha um pouco de lógica – pra mim isso é um pro, trabalha o cérebro | Contra: Não dá pra jogar com sono

Disponível para: iOS e Android

E vocês, já conheciam algum desses jogos? Me contem! 

Beeeeeijo <3

Quem é caseira, sabe o valor de um bom filme ou série para assistir aos fins de semana, ou nas horas vagas. Gente, como eu gosto disso! Prefiro milhões de vezes ficar em casa assistindo, do que sair e ir pra alguma balada ou coisa assim ~me julguem~. Mas, as vezes sinto dificuldade em encontrar alguma coisa legal para assistir. Se peço indicação de alguém, das duas uma: ou eu já assisti, ou eu começo a ver, acabo não gostando e não vendo até o fim. Gosto de filmes que não sejam clichês, ou se forem…que pelo menos me faça rir. Então decidi mostrar para vocês os últimos filmes que assisti, e agora…a série que estou vendo (ou revendo? – já explico!). 

Mulheres ao ataque – The other woman 

01

E tudo começa assim. Você está ficando/quase namorando com um cara e está tudo ok. Ele está prestes a conhecer sua família, e então…Você descobre que ele é casado!! E é com fortes emoções que “Mulheres ao ataque” começa haha. E imagina então, você virar amiga da esposa desse cara? E então vocês descobrirem que tem mais alguém na história? O filme mostra as fases: decepção, tentando dar a volta por cima, dando a volta por cima e: vingança! É uma comédia, que já esteve nos cinemas, e é digno que replay! Gente, eu amei o filme. Sabe aquilo sobre mesmo que o filme seja clichê tem que ser engraçado? Então, esse é! Eu ri bastante. O fim é de se imaginar (e acertar). Mas até lá, tem bastante surpresa e risadinha.

02

No elenco também está presente a Nicki Minaj, que faz pequenas aparições, e cada hora com um visual.

03

A parte nada convencional do filme, é que as três viram amigas. Unidas pela dor causada pelo mesmo homem, as três se ajudam a superar isso tudo.  E nessa foto, a carinha das três revela se elas conseguiram, né? Então, esse é o tipo de filme feito em especial para mulheres (já que o homem da história é descoberto e detonado). Não vale chamar o namorado pra assistir, ou quem quer que seja do sexo masculino. Esse é o tipo de filme que você assiste para se divertir em um dia qualquer, ou sessão pipoca com azamiga. 

Guerra é guerra – This Means War

1

Em falar em filme somente para mulheres…esse é outro. Os rapazes que me desculpem, mas esse post só vai agradar ao público feminino hehe. Estrelado pela Reese Wintd4f5s4giopon…É um filme que de começo, eu achei que iria ficar entediada, e me arrepender de perder meu tempo assistindo aquilo. Mas não é que nem? A parte boba e bem de “coisas que só acontecem em filmes” é que os caras são algum tipo de “espiões”. Ok, a parte de ação em um filme de comédia romântica a gente pula, porque eu achei mei ruim! Mas esses caras – gatos – alem de trabalharem juntos, são muito amigos! E acabam saindo e gostando de uma mesma garota. Eles decidem não contar para ela que se conhecem, e que vão deixar ela escolher algum deles.

2

E como eles são “espiões”, eles instalam câmeras na casa da fia, pra saber o que ela faz, do que ela gosta de fazer e principalmente: Do que ela gosta do que não, neles! E ela tem uma amiga, que é a “conselheira” dela, e é ela quem escuta todas as características dos caras, e é a “balança” para esta causa. E apesar dessa frase bonitinha citada a cima, ela não é digamos a melhor conselheira que alguém poderia ter.

3

A história vai se desenvolvendo de uma forma, que até eu fiquei confusa junto. O fim é meio tosco, mas descobrimos a escolha dela, no meio de uns paranauê de ação. 

Desperate Housewives – Donas de casa desesperadas

001

Gente, como eu amo séries boas e bem elaboradas! Daquelas que te prendem desde o primeiro episódio (sdds Prision Break) e te fazem querer sempre mais! Há muito, muito, mas muito tempo atrás (na minha contagem de vida), essa série passava na RedeTV, eu assitia e amava! Ficava acordada até tarde, mesmo tendo aula no dia seguinte, só pra assistir até o fim. Acabei de assistir (suspiros de amor) Prision Break (suspiros de amor), e assisto Pretty Little Liars… que não sei vocês, mas eu acho que está um saco! Não aguento mais o mesmo mistério, e a mesma história, e coisas toscas diferentes acontecendo no mesmo nível de toscagens. Enfim, queria assistir outra série! Então procurando séries aleatoriamente: Ta-dã!! Apareceu Desperate Housewives! E decidi assistir, desde a primeira temporada (apesar de já ter visto alguns vários episódios), porque eu sinceramente não me lembrava de quase nada da série, além do fato de que eu amava!

002

E não me arrependo de ter escolhido essa para assistir! Para uma série, render 8 temporadas, tem que no MÍNIMO fazer muito sucesso, não acham? A primeira temporada foi lançada em 2004 e a 8° e última em 2011. E essas 8 temporadas, vão me sugar muito tempo para assistir, pois pretendo assistir até o fim. Admito que se fosse avaliando no ponto de vista que tenho hoje, não ficaria com AQUELA vontade de devorar a série, me baseando somente no primeiro episódio. Mas, como eu sabia que era boa, continuo indo fundo, porque a série me rende risadas, surpresas, mistérios e muita coisa boa em um episódio só. Pra início de conversa, ou temporada, logo no primeiro episódio, acontece um suicídio. A pessoa que se matou, era amiga dessas quatro mulheres acima, que rendem diversas histórias engraçadas e problemáticas também. E claro, a grande dúvida: Por quê a amiga delas, que parecia inteiramente feliz fez aquilo?

3539170

Claro que a série toda não se baseia nesse suicídio, e muito menos fica o tempo todo nisso (indireta PLL).  Eu provavelmente estou prestes a descobrir um mistério já desvendado há muito tempo, e que todos sabem, mas…here we go! Todas essas mulheres que são vizinhas, apesar de morarem no mesmo bairro, levam vidas e tem personalidades totalmente diferentes! É uma série engraçada, dinâmica e gostosa de ver!

E quem aí já assistiu algum desses filmes, ou série? Me contem :) Beijos <3